Eventos e Cursos

Emater-DF apresenta novas tecnologias na AgroBrasília

A Empresa de Assistência Técnica e Extensão Rural do Distrito Federal (Emater-DF) apresenta a partir desta terça-feira (14) na AgroBrasília uma série de tecnologias usadas na agricultura familiar para melhorar a produção de alimentos e as condições de vida dos produtores rurais. O espaço da agricultura familiar da Emater vai ter 48 mil metros quadrados divididos em 11 circuitos tecnológicos e o Galpão das Organizações Sociais. A AgroBrasília é a maior feira de agropecuária do Centro-Oeste a uma das cinco maiores do país. O evento ocorre no Parque Ivaldo Cenci, no km 5 da BR-251, com entrada franca. A previsão é de que 120 mil pessoas passem pela feira e que sejam fechados até R$ 1,3 bilhão em negócios nos cinco dias do evento. Uma das novidades que serão apresentadas ao público neste ano é o projeto de produção de energia fotovoltaica nas produções agrícolas. A Emater espera conseguir implantar a instalação de mais de 2 mil sistemas em um ano. Para o produtor, a vantagem está na redução do custo da energia elétrica, um dos insumos mais caros na produção agrícola. Segundo a presidente da Emater, Denise Fonseca, essa redução pode chegar a R$ 1 mil a cada 5 hectares. Além disso, a produção de energia solar reduz a pressão sobre os reservatórios de água usados na geração de energia convencional e nos custos de transmissão. Outra novidade é a produção de peixes em sistema de bioflocos, que permite uma produção até 30 vezes maior utilizando 20% da água de um sistema de criação intensivo tradicional e com até 30% menos ração. Neste sistema, partículas suspensas de microalgas e bactérias agregadas em restos de ração garantem uma parte dos nutrientes necessários para o desenvolvimento dos peixes e permitem que a água seja reutilizada. Na área de avicultura, a Emater está testando a criação de galinhas caipiras com homeopatia. Os resultados indicam que as aves ficam menos propensas a doenças, os ovos ficam com cascas mas resistentes e estimulam o metabolismo das aves, fazendo com que elas se desenvolvam em menor espaço de tempo e sem consumir produtos químicos.

(Agência Brasília) (Redação)



Visite  www.ovosite.com.br  - O Portal do Ovo na Internet