Empresas

BRF vai antecipar reabertura de abatedouro de frango no Paraná

Em meio à recuperação de resultados da BRF, a dona da Sadia e Perdigão vai antecipar a reabertura do abatedouro de frangos de Carambeí, no Paraná. A planta voltará a funcionar em 2 de setembro, quase dois meses antes do cronograma original.

Em 27 de maio, os funcionários do abatedouro da unidade tiveram os contratos de trabalho temporariamente suspensos (lay off) por até cinco meses. No pior cenário, o abatedouro só retomaria a produção no fim de outubro.

Em nota, a BRF informou que duas linhas de abate de frango serão retomadas em setembro e uma terceira voltará a funcionar em outubro.

Para viabilizar a retomada da unidade, a companhia já deu início à incubação dos ovos para, posteriormente, fornecer os pintinhos aos granjeiros.

“Esse período foi importante para normalizar os estoques da companhia e otimizar a gestão da oferta para assegurar o equilíbrio do nosso sistema produtivo”, disse, em nota, o diretor regional da BRF no Paraná, Rubens Modena.

Em recente entrevista, o CEO da BRF, Lorival Luz, afirmou que a empresa brasileira estava fazendo um pequeno aumento nos alojamentos de frangos nas granjas. A companhia vem ampliando a produção com vistas a abastecer a maior demanda externa, especialmente da China. O país asiático sobre com um surto de peste suína africana.

(Valor) (Luiz Henrique Mendes)



Visite  www.ovosite.com.br  - O Portal do Ovo na Internet