Domingo, 23 de Abril de 2017
Matérias-Primas

Consumo de milho pode cair em 9 milhões de toneladas, diz FCStone
São Paulo, SP, 31 de Março de 2017 - O potencial fechamento de mercados para a carne brasileira após a deflagração da operação Carne Fraca gera apreensão no mercado de grãos, segundo análise da consultoria FCStone.

“Mesmo não sendo factível que o Brasil deixe de exportar carnes, qualquer queda no consumo de milho e farelo de soja (e consequentemente de soja) podem impactar nos respectivos balanços de oferta e demanda, que já se encontram em situações bastante confortáveis”, apontou a empresa, em relatório.

A avaliação da consultoria é de que a exportação de carnes respondam por um consumo de 9 milhões de toneladas de milho e pouco mais de 3 milhões de toneladas de farelo de soja - volumes que poderiam pressionar ainda mais os preços no mercado interno diante da oferta confortável esperada para a atual temporada. “É um consumo considerável diante da ampla oferta dessa temporada e da preocupação com as exportações de milho”, explicou Ana Luiza Lodi, que assinou a análise.

Segundo o Departamento de Economia Rural da Secretaria de Agricultura do Estado do Paraná (Deral), a comercialização do milho "safrinha" abrangia apenas 2% de toda a safra até o último dia 20. No ano passado, esse percentual alcançou 19% da safra um mês antes, já no dia 22 de fevereiro. No Mato Grosso, as vendas até o último dia 13 estavam 42,1 pontos percentuais abaixo do observado no ciclo anterior, segundo o Instituto Mato-grossense de Economia Agropecuária (Imea).

Cerca de 80% do consumo de milho no Brasil tem como destino a alimentação animal, com a criação de gado de corte, de frango e de suínos respondendo por 75% a 80% dessa demanda. No caso do farelo, esse percentual chega a 83%. Em relação à produção de proteína animal, em torno de 20% da carne bovina, 19% da suína e 30% da de frango têm como destino o mercado internacional, segundo a FCStone.
(Valor Econômico) (Cleyton Vilarino)
Imprimir esta notícia...
|
Deixe aqui sua opinião, insira seus comentários.
O espaço também é seu!

Domingo, 23/04
Sexta-Feira, 21/04
Quinta-Feira, 20/04
Vetanco realiza Encontro Técnico em Minas Gerais (13:03)
CHICK Program garante eficácia na vacinação em Incubatórios (09:38)
SEAPI/RS divulga os 20 maiores municípios produtores de frango de corte no estado (08:54)
Governo libera R$ 800 milhões para a comercialização do milho (08:02)
Blairo entrega cargo, mas Temer não aceita (08:01)
Milho: mercado interno segue pressionado (08:00)
Soja: mercado encontra suporte no farelo (07:59)
Quarta-Feira, 19/04
Produção de aves e suínos ganha novas recomendações para suplementação com minerais orgânicos (15:43)
ABPA participa de ação para exportações ao Egito (13:04)
FACTA disponibiliza quatro cursos à distância no EAD For Us (10:33)
Apesar da estabilidade nas granjas relação de troca melhora para o avicultor (08:36)
Prejuízo da Embrapa alcança quase R$ 490 milhões (08:26)
Preços do milho seguem em queda no país (08:00)
Mato Grosso deve exportar quantidade inédita de soja nesta safra, diz IMEA (07:39)
Terça-Feira, 18/04
Vetanco participa do SBSA 2017 (16:14)
Índices dos custos de produção de suínos e frangos de corte recuam a valores de 2015 (16:06)
China reabilita três plantas exportadoras de carne de frango do Brasil (15:27)
Crise econômica não afeta dólar nem preços do agronegócio (13:35)
Brasil e Rússia destacam cooperação entre países após operação Carne Fraca (13:25)
Cobb-Vantress lança Macho MV no Equador (08:40)
Após "Carne Fraca", muitas turbulências e perdas limitadas (08:23)
1º Concurso Culinário Instituto Ovos Brasil é aberto a cozinheiros amadores (08:19)
Agronegócio sofre efeito colateral da lista da Odebrecht (08:06)
Milho: leves movimentações no mercado interno (08:00)