Sexta-feira, 22 de Junho de 2018
Fiscalização

Dez anos para 'enquadrar' a salmonela
Brasília, DF, 12 de Março de 2018 - Em meio aos desdobramentos da Operação Trapaça, o secretário de Defesa Agropecuária do Ministério da Agricultura, Luís Eduardo Rangel, admitiu ao Valor que o Brasil deve levar cerca de 10 anos para conseguir reduzir dos atuais 17% para 7% o índice de contaminação por salmonela na carne de frango, e com isso atingir a média dos países desenvolvidos registrada nos últimos cinco anos.

Na segunda-feira passada, a Polícia Federal deflagrou a Trapaça, nova fase da Operação Carne Fraca, que revelou um esquema de fraudes envolvendo laboratórios e a BRF na análise de salmonela na carne de frango.

Rangel afirmou que há um longo caminho pela frente para alcançar a meta, já que o índice de contaminação registrado no Brasil é considerado elevado para os padrões internacionais, que toleram no máximo 20% de ocorrência da bactéria em amostras do produto.

"Para reduzir de 17% para 7% a prevalência de salmonela vão no mínimo 10 anos. Mas em função do risco de contaminação que está controlado no país não é muito tempo", disse. "Nos Estados em que está em 13%, vou chegar a 7% em três anos, mas em outros tenho que fazer um esforço maior".

Rangel lembrou que o país só pôde identificar esse alto grau de contaminação depois que o Ministério da Agricultura passou a fazer testes em sua rede oficial de laboratórios (Lanagro), a partir de uma Instrução Normativa editada no fim de 2016. Antes disso, porém, só laboratórios privados contratados por frigoríficos realizavam esses testes. Informações de mercado apontam que a prevalência da salmonela informada nessa época era em torno de 4%.

Mesmo assim uma tabela com a série histórica da presença da bactéria Salmonella spp (uma das espécies mais comuns) em amostras de carcaça de frango coletadas em frigoríficos sob fiscalização do Serviço de Inspeção Federal (SIF), ao qual o Valor teve acesso, indica que a prevalência desse micro-organismo praticamente não mudou desde 2013. Entre 2013 e 2015, a incidência da bactéria foi de 16,69%, enquanto em 2016 foi de 17,17%, e em 2017, 17,2%.
(Valor ) (Cristiano Zaia)
Imprimir esta notícia...
|
Deixe aqui sua opinião, insira seus comentários.
O espaço também é seu!

Sexta-Feira, 22/06
BRF confirma que pode vender em bloco parte de suas ações na Minerva (07:31)
Na copa da Rússia, quem perde é a carne suína brasileira (07:28)
SUÍNOS e BOI CEPEA: acompanhe como estão os mercados (07:25)
Compradores chineses cancelam 65 mil tons de soja americana (07:23)
Quinta-Feira, 21/06
CARNE DE FRANGO: exportações totalizam 1,6 milhão de ton em 2018 (13:58)
Revista Brasileira de Ciência Avícola passa a ser apenas digital (09:03)
VIII CLANA tem algumas das principais cotas de patrocínio esgotadas (08:06)
Blairo tentará reverter antidumping chinês em viagem à África do Sul (08:02)
Greve dos caminhoneiros obriga BRF a dar férias coletivas a 5,6 mil (08:00)
Grãos caem, mas prêmio da soja sobe (07:58)
Preços da soja voltam a subir nos portos do BR nesta 4ª (07:57)
Quarta-Feira, 20/06
Frigoríficos precisam buscar soluções técnicas para problemas, afirma Vargas (09:49)
Prima-irmã dos frangos de corte, produção de ovos vive longe da crise (08:23)
Motivo para embargo da UE ao frango brasileiro é disputa comercial, diz Blairo (08:21)
Valor da Produção Agropecuária de 2018 é de R$ 552 bilhões (08:10)
Milho: com foco na China e na safra americana, mercado recua pelo 5º pregão consecutivo em Chicago (08:09)
Soja: prêmios sobem mais de 20% no Brasil, mas queda forte em Chicago limita preços nos portos (08:00)
Terça-Feira, 19/06
BRF anuncia encerramento de produção de aves em Campo Verde (MT) (15:19)
AB Vista atualiza estudos sobre os efeitos de Cálcio X Fitase na alimentação dos monogástricos (14:24)
VIII CLANA tem inscrições com desconto até 10 de agosto (14:21)
Embrapa: ICPFrango foi de 225,89 pontos em maio, alta de 2,72% (08:50)
Em cinco anos, produção de carnes de Mato Grosso vai subir 40%, diz banco (07:49)
MILHO/CEPEA: preços recuam quase 8% em sete dias (07:46)
SOJA/CEPEA: preços caem devido à baixa externa, dólar e produção elevada (07:44)
Após greve dos caminhoneiros, BRF suspenderá abates em Concórdia (SC) (07:41)
Ministro Blairo Maggi vai à Comissão de Agricultura da Câmara (07:35)
Mercado interno do milho apresenta poucas movimentações na abertura da semana (07:32)
Soja sobe nos portos do Brasil nesta 2ª feira estimulada pela alta do dólar e dos prêmios (07:30)
Segunda-Feira, 18/06
Justiça livra adquirente de produto agrícola de recolher o Funrural (08:33)
Nova taxa da China para importação de frango preocupa avicultores e indústria (08:30)
EUA e China travam guerra comercial e, com ela, Brasil só tem a perder (08:29)
Ovo ganha papel de destaque em páginas sobre dietas no Instagram (08:10)
Rally em Chicago retira pressão de queda maior do milho (08:08)
Soja: mercado interno com poucos negócios (08:00)