Segunda-feira, 18 de Junho de 2018
Matérias-Primas

Safrinha de milho deverá recuar 14%
São Paulo, SP, 13 de Junho de 2018 - A falta de chuva que prejudicou as lavouras na região Sul levou a Companhia Nacional de Abastecimento (Conab) a reduzir de forma expressiva sua estimativa para a colheita da safrinha de milho desta temporada 2017/18 no país.

Conforme a estatal, a produção ficará em 58,2 milhões de toneladas, quase 5 milhões a menos que o previsto em maio e volume 13,6% inferior ao calculado para o ciclo 2016/17, que foi recorde. Como informou reportagem publicada na edição de ontem do Valor, o estresse hídrico afetou sobretudo as plantações do Paraná, segundo maior Estado produtor de grãos do Brasil, atrás de Mato Grosso.

Por causa dessa revisão, a Conab passou a estimar a produção total de milho no país em 2017/18 em 85 milhões de toneladas, uma queda de 13,1% em relação a 2016/17. E a previsão da estatal para a colheita de grãos como um todo também foi reduzida para 229,7 milhões de toneladas, 3,4% menor que o recorde do ciclo passado.

Seguindo o mesmo roteiro, o Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE) diminuiu seu cálculo para a colheita nacional de grãos neste ano para 228,1 milhões de toneladas, volume 5,2% mais baixo que o estimado para 2017. "Houve restrições de chuvas no Paraná por mais de 40 dias. Uma estiagem muito grande, que levou a uma quebra da safra", disse Carlos Antonio Barradas, gerente da pesquisa realizada pelo IBGE. Ele realçou que, além do milho, o feijão foi afetado no Estado.

Barradas lembrou que, em parte, os problemas observados na safrinha de milho foram provocados pelo atraso do plantio de soja, ainda no terceiro trimestre do ano passado. Isso porque a safra de inverno, conhecida como safrinha, é semeada em áreas que no verão estão ocupadas por plantações de soja.

Para a oleaginosa, carro-chefe do agronegócio nacional, a Conab elevou sua projeção para a produção para 118 milhões de toneladas, pouco mais de 1 milhão de toneladas acima do previsto em maio e volume, recorde, 3,5% superior ao do ciclo 2017/18.

Assim, soja e milho deverão representar, segundo a Conab, 88,4% da colheita brasileira de grãos na temporada que está chegando ao fim. O país disputa com os EUA, cabeça a cabeça, a liderança da produção mundial de soja, e é o maior exportador do grão. No caso do milho, é o terceiro maior produtor, depois de EUA e China, e o segundo maior exportador, atrás dos americanos.

Essas posições foram confirmadas ontem por novo relatório de oferta e demanda de grãos divulgado pelo Departamento de Agricultura dos Estados Unidos (USDA). Segundo o órgão americano, a colheita brasileira de soja somou 119 milhões de toneladas na safra 2017/18 e ficará em 118 milhões em 2018/19. Já a de milho (safras de inverno e de verão), conforme o USDA, somará 85 milhões de toneladas em 2017/18 e crescerá para 96 milhões no ciclo 2018/19.

No relatório de ontem, o USDA cortou a disponibilidade de soja e milho nos Estados Unidos em 2017/18, o que motivou a alta de ambas as commodities na bolsa de Chicago. Os contratos da soja para agosto subiram 0,50 centavo de dólar, para US$ 9,5950 por bushel, ao passo que o milho para setembro subiu 10,50 centavos de dólar, para US$ 3,8675 por bushel.

(Valor) (Redação)
Imprimir esta notícia...
|
Deixe aqui sua opinião, insira seus comentários.
O espaço também é seu!

Segunda-Feira, 18/06
Sexta-Feira, 15/06
Em sua 59ª edição, Festa do Ovo de Bastos tem espaço ampliado e dia específico para o entretenimento (14:35)
II Encontro ASGAV/SIPARGS sobre energia alternativa e complementar (10:02)
Pedro Parente assume como CEO Global da BRF na próxima semana (08:49)
Pressão derruba diretor de inspeção do Ministério da Agricultura (08:46)
Korin decide ampliar foco dos negócios (08:41)
Creche de Água Clara (MS) conta com o apoio da Cobb-Vantress (08:33)
Wisium lança aplicativo que ajuda empresas do setor avícola melhorarem rentabilidade (08:30)
Agroceres Multimix participa de mais uma edição do Avicultor e mostra que o setor conta com as melhores soluções em nutrição animal (08:25)
IBGE: produção de ovos cresceu 7,1% (08:12)
Abate de frangos caiu 1,2% frente no 1° trimestre de 2018 (08:11)
Preços agrícolas sobem 2,17% em maio, afirma IEA (08:09)
Milho: mesmo com o nervosismo da disputa EUA X China, queda de até 13 pts em Chicago surpreende (08:03)
Soja: mercado brasileiro com poucas referências (07:59)
Soja: com foco na China e na safra dos EUA, mercado recua pelo 2º dia consecutivo em Chicago (07:50)
Quinta-Feira, 14/06
Conselho indica Parente como CEO da BRF (10:13)
Oferta e preços dos alimentos in natura voltam ao 'normal' (10:11)
Concurso de Qualidade de Ovos de Bastos 2018 amplia a representatividade da Comissão Julgadora (09:00)
Conab vai remover 140 mil toneladas de milho com cota para autônomos (08:59)
Exportações do agronegócio cresceram para US$ 10 bi em maio (08:30)
Milho: Mercado encerra 4ª feira com leves desvalorizações em Chicago (08:04)
Soja: Com China no radar, mercado tem forte queda nesta 4ª na CBOT e toca menor nível em nove meses (08:00)
Quarta-Feira, 13/06
Programa Ovos RS e SENAI avançam nos preparativos para atendimento ao SIF (16:35)
Carne de frango e Suína brasileiras marcam presença na Copa do Mundo (16:08)
Relação com União Europeia vai endurecer, afirma Maggi (10:47)
Comitê formado por CNA, Agricultura e ABPA discutirá revisão de normas técnicas (09:38)
Saiba qual é o frango que o Brasil quer levar para o país da Copa (09:37)
Seca afeta produção mundial, diz USDA (08:37)
BRF está fazendo “o possível e o impossível” para não fechar fábricas (08:16)
Suíno Vivo: altas em SP, RS e SC (08:12)
CNA protocola ação no STF contra tabelamento de frete (08:06)
Safrinha de milho deverá recuar 14% (08:05)
Mercado interno da soja permanece com poucas movimentações (08:00)
Terça-Feira, 12/06
Preço do frango congelado no atacado tem alta de 44,5% em São Paulo (10:27)
Sequência de crises leva avicultura do país do céu ao inferno em pouco tempo (09:16)
Aviagen incentiva programa local de música jovem no Brasil (08:44)
Yamasa compõe o time de apoiadores do Avicultor 2018 (08:40)
Ministro Blairo Maggi vai à Comissão de Agricultura do Senado (08:38)
Conab registra destaque histórico para produção de 230 mi t e área de 61,6 mi ha (08:36)
Mapa é autorizado a contratar 300 médicos veterinários concursados (08:35)
Uma safrinha de milho ainda mais magra (08:22)
Exportações de carne bovina caíram 0,6% em maio, para US$ 462 milhões (08:15)
USDA indica queda de 1% no índice de lavouras de soja e milho em boas condições nos Estados Unidos (08:02)
Mercado interno da soja apresenta leves movimentações na abertura da semana (08:00)