Segunda-feira, 22 de Abril de 2019
Matérias-Primas

Soja: China pode usar outras armas contra os EUA e dar novos rumos à guerra comercial
Campinas, SP, 12 de Julho de 2018 - A quarta-feira (11) foi mais um dia negativo para as cotações da soja na Bolsa de Chicago (CBOT). As quedas foram de mais de 20 pontos nos principais vencimentos, com o contrato novembro/18, referência para a safra norte-americana, abaixo dos US$8,50/bushel.

Hoje também ocorreu mais um capítulo da guerra comercial entre Estados Unidos e China, com os norte-americanos tentando ampliar a lista de produtos a serem tarifados, com um valor em torno de US$200 bilhões.

O mercado, como visualiza Sousa, passa por um momento difícil, conversa que "já cansa os players de modo geral", já que os comentários dos últimos tempos só tratam da guerra comercial.

Os chineses, por sua vez, não estão a fim de entrar na disputa com os Estados Unidos, devendo recorrer à Organização Mundial do Comércio (OMC) e discutir de forma mais calma.

O diretor visualiza que a situação é grave e deve permanecer trazendo problemas não só para os produtos agrícolas, mas para a economia como um todo. Contudo, os chineses não possuem a mesma capacidade de taxação que os norte-americanos.

O que pode ocorrer é a China desvalorizar sua moeda para compensar o imposto que tem de pagar na importação de produtos norte-americanos, bem como buscar novos fornecedores de soja e substituir o farelo de soja por outro tipo de proteína.
(Notícias Agrícolas) (Aleksander Horta e Izadora Pimenta)
Imprimir esta notícia...
|
Deixe aqui sua opinião, insira seus comentários.
O espaço também é seu!

Segunda-Feira, 22/04
Sexta-Feira, 19/04
Quinta-Feira, 18/04
Frango: preços da carne sobem com força em Abril (11:16)
Suínos: carcaça se mantém estável e ganha competitividade frente ao frango (11:15)
Boi Gordo: oferta limitada mantém indicador firme neste ano (11:14)
Prévia do IGP-M consolida desaceleração dos preços (10:54)
Bahia: Deputada e Secretário de Agricultura se reúnem com Secretário Nacional de Defesa Agropecuária (10:50)
Fiscais agropecuários gaúchos farão treinamento em boas práticas e bem-estar animal (10:46)
Cobb dos EUA faz intervenção na filial brasileira (07:53)
O perigo de mexer com o Irã (07:39)
Boi Gordo: indústrias estão com dificuldade de compras (07:20)
Incerteza sobre o plantio americano mantem milho 1 cent mais baixo em Chicago (07:18)
Soja dá continuidade ao movimento de baixa e perde mais 10 pontos em Chicago (07:15)
Paraíba: governo promove cursos de avicultura e incentiva produção no estado (00:34)
Crise diplomática é desafio para o setor (00:33)
Quarta-Feira, 17/04
Custos de produção de frangos de corte aumentam em março (13:30)
Biocamp – êxito em sua participação no Simpósio Brasil Sul de Avicultura (13:08)
Cobb promove seminário sobre inspeção sanitária em parceria com a ABPA e com o MAPA (11:35)
FAO prevê avanço menor da demanda por commodities (08:54)
Valor da Produção Agropecuária é de R$ 588,8 bilhões (08:50)
MSD Saúde Animal promove primeiro Programa de Residência do agronegócio do Brasil (08:49)
Vetanco presente no Simpósio Brasil Sul de Avicultura (08:47)
Ceva apostou em ação solidária inédita durante o Simpósio Brasil Sul de Avicultura (08:46)
SINDAN integra-se ao Sistema de Logística Reversa de Embalagens (08:34)
MAPA e ABPA definem ações de prevenção à Peste Suína Africana (08:24)
Mercado do boi gordo diminui o ritmo de altas (08:22)
Mercado do Boi Gordo estaciona em SP por abates mais esticados e influência do MS (08:19)
Soja fecha com mais de 10 pts de baixa em Chicago (08:16)
Incertezas com clima e negociações deixam cotações do milho em Chicago mais baixas nessa terça-feira (08:07)
Terça-Feira, 16/04
Asgav e Ovos RS convidam a todos para o Conbrasul 2019 (14:00)
Ministério prevê valor da produção agropecuária do país de R$ 588,8 bi (09:02)
Suspensão de abates pela BRF deixa avicultores do Paraná apreensivos (07:06)
Rússia adia inspeção de abatedouros brasileiros (07:05)
Santa Catarina busca apoio federal para melhorias na Rota do Milho (00:07)