Quarta-feira, 12 de Dezembro de 2018
Semana do Ovo

Começou ontem a Semana do Ovo

Instituto Ovos Brasil, Produtores, Associações Estaduais e Empresas estão unidas para celebrar a Semana do Ovo.
São Paulo, SP, 09 de Outubro de 2018 - O Dia do Ovo foi criado pelo International Egg Commission (IEC) – órgão sediado no Reino Unido – entidade que representa a indústria global de ovos. Assim, em 1996 o ovo ganhou um dia só para ele. A proposta inclui conscientizar a população sobre os benefícios do consumo de ovos, seu potencial nutritivo e destacar a importância do ovo para a alimentação humana.

No Brasil, o Instituto Ovos Brasil tem promovido a Semana do Ovo desde 2007 com várias ações promocionais, palestras em escolas e universidades, distribuições de brindes, degustações, esclarecimento de consumidores nos supermercados, e tudo isso com o apoio de produtores, empresas que atuam no segmento e as entidades estaduais.

O grande objetivo é celebrar um alimento com muitos nutrientes. Os ovos são ricos em vitaminas lipossolúveis (A, D, E, K) e do complexo B. Este conjunto de nutrientes é essencial para a visão, crescimento, desenvolvimento cognitivo, prevenção de doenças, ganho de massa muscular e muitos outros benefícios. O importante é celebrar todas as qualidades que o ovo possui!

A ampliação das ações da Semana do Ovo, ano a ano, contribuíram para que o consumo per capita brasileiro evoluísse significativamente, saindo de 120 ovos/habitante em 2007 para 192 ovos ao final de 2017. Segundo a ABPA (Associação Brasileira de Proteína Animal), o consumo per capita de ovos brasileiro deve alcançar 212 unidades em 2018.

A importância do trabalho em conjunto é uma das maiores lições aprendidas pelos membros e entusiastas do Instituto Ovos Brasil. Nos últimos anos a adesão e participação foi crescente e a festa está cada vez maior e mais bonita!

Ricardo Santin, Presidente do Conselho Diretor do Instituto Ovos Brasil, declara: Juntos e ao mesmo tempo, podemos chegar mais longe!

Acompanhe através do link abaixo as ações realizadas pelo IOB e também um calendário com tudo o que ainda será realizado

http://www.ovosbrasil.com.br/site/calendario-de-outubro-semana-ovo-2018/

Já pensou em como você pode participar? Para os interessados, o IOB tem material para distribuição (entre em contato). Não se esqueça de dividir com o Instituto Ovos Brasil as ações que você organizou, através do e-mail administrativo@ovosbrasil.com.br, pois todo o conteúdo será compilado para divulgação na mídia posteriormente.

Sobre o IOB

O Instituto Ovos Brasil é uma entidade sem fins lucrativos criada em 2007 com o objetivo de esclarecer a população sobre as propriedades nutricionais do ovo e os benefícios que este alimento proporciona à saúde, além de desfazer mitos sobre seu consumo. O IOB tem atuação em todo o território nacional e hoje é referência em informação sobre ovos no Brasil. O site da instituição (www.ovosbrasil.com.br) reúne campanhas, dados, pesquisas e artigos de credibilidade para o público em geral e profissionais das mais diversas áreas.
(IOB) (Assessoria de Imprensa)
Imprimir esta notícia...
|
Deixe aqui sua opinião, insira seus comentários.
O espaço também é seu!

Quarta-Feira, 12/12
Pioneirismo e inovação marcam 10 anos da Yes (10:12)
Exportações de carne bovina deverão bater novos recordes no ano que vem (08:41)
Embrapa fecha acordo com Sindan para pré-análise de novos produtos veterinários (08:40)
Granja do Cedro é destaque de pecuária no prêmio “As melhores da Dinheiro Rural” (08:40)
Safra pode repetir recorde com 238,4 milhões de toneladas (07:57)
Encontro de Avicultores premia os melhores da Integração Aurora/Cocari (07:56)
Assembleia Legislativa de Goiás homenageia dirigentes da Pif Paf Alimentos (07:54)
BRDE assina contratos de R$ 100 milhões com cooperativas paranaenses durante encontro da Ocepar (07:53)
A crescente preocupação com ectoparasitas e os prejuízos econômicos causados por estes (07:50)
Milho: Bolsa de Chicago segue tendência do dia e fecha terça-feira com pouca movimentação (07:50)
Além do enriquecimento de ovos, selênio apresenta benefícios produtivos (07:48)
Aviagen Estreia “I Escola de Incubação” da América Latina (07:25)
Terça-Feira, 11/12
Cresce dependência do agronegócio brasileiro das importações chinesas (08:06)
Milho: cotação da Bolsa de Chicago encerra segunda-feira próxima da estabilidade (08:03)
Soja: Brasil fecha o dia com estabilidade com recuo de Chicago e dos prêmios (08:00)
Mercado do boi gordo apresenta cenários distintos (07:58)
Inaugurado laboratório de referência em Campinas (07:55)
Segunda-Feira, 10/12
Sexta-Feira, 07/12
Cresce mobilização de caminhoneiros por nova paralisação (16:15)
Conferência FACTA WPSA-Brasil 2019 já tem data e temas definidos (12:52)
Qualidade de água é tema de palestra da Vetanco (09:50)
Cobb-Vantress premia melhores lotes da região Nordeste (09:07)
NUCLEOVET apresenta planejamento 2019 em evento em SP (09:03)
FRANGO/CEPEA: exportações recuam, mas valores da carne sobem em novembro (08:14)
Início de dezembro apresenta maior firmeza nas cotações do boi gordo (08:04)
Milho: Bolsa de Chicago fecha quinta-feira com leves baixas (08:00)
A pedido da CNA, STF suspende multas pelo descumprimento da tabela do frete (07:37)
Paraná desburocratiza processo de licenciamento ambiental (07:30)
Depois do frango, Marrocos libera importação de carne bovina dos EUA (06:28)
Quinta-Feira, 06/12
Avicultura gaúcha sofre após desabilitação de unidades de abate (23:34)
“Conexão Aviagen” promove o crescimento e o sucesso do Ross 308 AP (08:50)
SUÍNOS/CEPEA: em novembro, média do vivo é a maior em 2018 em muitas regiões (08:28)
BOI/CEPEA: diferentes necessidades seguem resultando em oscilação do indicador (08:20)
Efeito da trégua entre EUA e China já é menor sobre commodities agrícolas (08:15)
Boi Gordo: preço sobe em São Paulo (08:10)
Milho: Bolsa de Chicago fecha quarta-feira com preços do milho estáveis (08:05)
Soja: Chicago estável e prêmios em queda levam disponível em Paranaguá aos R$ 79 nesta 4ª feira (08:00)
PIB do agronegócio do Brasil deve crescer 2% em 2019, prevê CNA (07:23)
SC aumenta exportação de frango em 14% e a de suínos em 33,6% (07:21)
Licenciamento ambiental em São Paulo para a avicultura (07:19)