Quarta-feira, 16 de Janeiro de 2019
Matérias-Primas

Soja: sinalização de acordo entre China e EUA reduz pressão e Chicago testa leves altas nesta 3ª
Campinas, SP, 06 de Novembro de 2018 - O mercado da soja trabalha com leves altas na manhã desta terça-feira (6), ainda mantendo-se bem próximo da estabilidade na Bolsa de Chicago. Os traders esperam uma série de definições e relatórios para esta semana e optam por manter sua postura cautelosa.

As cotações, por volta de 8h (horário de Brasília), subiam entre 0,50 e 0,75 ponto, com o novembro/18 valendo US$ 8,73 e o maio/19, que serve como referência para os negócios no Brasil, valia US$ 9,12 por bushel.

As sinalizações de China e Estados Unidos de que poderiam chegar a um acordo e por fim à guerra comercial traz algum otimismo ao mercado e motiva o avanço, mesmo que ainda tímido, segundo explicam analistas internacionais. A disputa já se estende desde maio e tem prejudicado severamente os preços internacionais, uma vez que a demanda chinesa pela soja americana está estacionada.

"Tanto a China quanto os EUA adorariam ver uma maior cooperação econômica e comercial. O lado chinês está pronto para ter discussões com os EUA sobre questões de preocupação mútua e trabalhar por uma solução em relação ao comércio aceitável para ambos os lados", disse Wang ao Fórum Bloomberg New Economy em Cingapura.

Além desse fato, o mercado observa ainda as eleições de meio mandato que acontecem nesta terça nos EUA - o que também pode mexer com as cotações daqui em diante - e se prepara para a divulgação do novo boletim mensal de oferta e demanda que o USDA (Departamento de Agricultura dos Estados Unidos) traz nesta quinta-feira, 8 de novembro.
(Notícias Agrícolas) (Carla Mendes)
Imprimir esta notícia...
|
Deixe aqui sua opinião, insira seus comentários.
O espaço também é seu!

Quarta-Feira, 16/01
Terça-Feira, 15/01
FRANGO/PERSPEC 2019: após ano difícil, cenário sinaliza recuperação para 2019 (11:27)
OVOS/PERSPEC 2019: excesso de produção pode limitar ganho; produtores devem ter cautela em 2019 (11:25)
SUÍNOS/PERSPEC 2019: exportação e custo menor podem garantir ano mais positivo (11:23)
BOI/PERSPEC 2019: após exportação recorde em 2018, setor aposta em demanda interna em 2019 (11:21)
Foto de ovo tem o maior número de “curtidas” do mundo (07:39)
Redes de fast-food não se comprometem com bem-estar de frangos, diz ONG (07:38)
eSocial: o que o empregador PF precisa saber sobre CAEPF (07:37)
Baixa demanda por carne bovina mantém mercado do boi com pouca movimentação (07:20)
Importações chinesas de soja recuaram 8% em 2018 (07:18)
Soja testa leves altas em Chicago nesta 3ª feira corrigindo as últimas baixas (07:17)
Segunda-Feira, 14/01
Cooperativa Lar apresenta planos de desenvolvimento para 2019 (12:49)
MILHO/CEPEA: preços apresentam comportamento distinto dentre as regiões (10:33)
SOJA/CEPEA: desvalorização do dólar frente ao real pressiona cotações internas (10:31)
Empresas de proteína animal buscam aproximação com pasta da Agricultura (08:30)
Mesmo com Carne Fraca, Brasil lidera vendas à UE (08:18)
Empreitada da BRF na Argentina deixa R$ 1,2 bi em perdas (08:10)
Oferta maior que a demanda no mercado de ovos (08:06)
Boi Gordo: escalas de abate confortáveis, mas pressão de baixa não é generalizada (08:03)
Para evitar risco de desabastecimento, China deve triplicar compras de milho (08:01)
Soja recua em Chicago nesta 2ª feira realizando lucros e refletindo menores importações da China (08:00)
Sexta-Feira, 11/01
FRANGO/CEPEA: poder de compra segue pressionado neste início de 2019 (09:22)
OVOS/CEPEA: preços iniciam 2019 em queda (09:20)
Cooperativas engajadas no desenvolvimento catarinense (08:00)
BRF conclui venda de ativos na Argentina e arrecada R$ 560 milhões (07:45)
Boi Gordo: recuo na demanda reflete em desvalorização da arroba (07:42)
Milho: Bolsa de Chicago encerra quinta-feira com quedas de 5 pontos (07:32)
Soja fecha com baixas de dois dígitos em Chicago nesta 5ª feira (07:30)
Quinta-Feira, 10/01
C.Vale inicia calendário de eventos promovendo mais uma edição de seu tradicional dia de campo (11:39)
SUÍNOS/CEPEA: embarques de carne suína voltam a recuar em dezembro (09:31)
BOI/CEPEA: 40% das exportações brasileiras são destinadas para Hong Kong e China (09:30)
Conab divulga novo estudo da safra de grãos e estima que produção será de 237,3 milhões de toneladas (09:28)
China pode comandar mercado mundial de aves (08:18)
Financiamento da produção aumentou 14% em relação ao semestre anterior (08:16)
Milho: preços em alta na Bolsa de Chicago (08:05)
Soja: novas altas em Chicago (08:00)
Mercado do boi sem viés definido (07:50)
Parceria com empresa alemã pode tornar Toledo (PR) referência em biogás (07:36)
Saiba como usar a tecnologia no Agro a seu favor (07:35)
Nestlé lança seu primeiro hambúrguer sem carne (07:31)
Criadores de Rondônia compram mais de 1,5 mil toneladas de milho (07:30)
Cooperativa Languiru apresenta projeto de expansão da avicultura (01:38)
Hambúrguer vegano "que sangra" agora tem versão sem glúten e com 240 calorias (01:32)
Uso de xilanase para melhoria da funcionalidade de fibras nos monogástricos é defendida pela AB Vista (01:30)