Quinta-feira, 13 de Dezembro de 2018
Exportação

Exportadores de carne temem mudança de embaixada para Jerusalém
São Paulo, 12 de Novembro de 2018 - Os exportadores brasileiros de carne estão desconfortáveis com os planos do presidente eleito Jair Bolsonaro de transferir a embaixada do país em Israel de Tel-Aviv para Jerusalém.

Bolsonaro anunciou sua intenção de mudar a embaixada em uma entrevista ao jornal conservador Israel Hayom na semana retrasada, provocando um tuíte de congratulações do primeiro-ministro israelense, Benjamin Netanyahu.

Pouco depois, o Egito decidiu adiar uma visita oficial do ministro das Relações Exteriores do Brasil.

Embora Bolsonaro nunca tenha escondido sua admiração de longa data por Israel, alguns exportadores brasileiros temem que ele não tenha dado o devido peso às implicações comerciais de sua proposta.

Embora tenha registrado déficit comercial de US$ 419 milhões com Tel Aviv, o Brasil acumulou um superávit de US$ 7,1 bilhões com as 22 nações da Liga Árabe em 2017, o que representa 10% do superávit comercial total do Brasil.

“Naturalmente, dado que temos um comércio muito importante com os mercados árabes, especialmente os mercados Halal, esse é um tema que nos causa preocupação”, afirmou Pedro Parente, CEO da BRF, o maior fornecedor de frango para as nações árabes no Conselho de Cooperação do Golfo.

O mundo árabe é o segundo maior mercado de exportação de alimentos do Brasil, depois da China, segundo Reubens Hannun, presidente da Câmara de Comércio Árabe-Brasileira.
Mover a embaixada “pode gerar algumas malefícios”, disse Hannun. “Idealmente, as coisas permaneceriam do jeito que são”, disse. Uma deterioração no relacionamento também pode afetar o interesse dos fundos soberanos árabes por investimentos no Brasil, acrescentou.

O Salic, fundo ligado à família real da Arábia Saudita, é o segundo maior acionista da Minerva, maior exportadora de carne bovina da América do Sul.

Os alimentos dominam a lista das exportações brasileiras para a Liga Árabe e o país é o maior exportador mundial de carne Halal. “Os árabes querem consumir mais produtos brasileiros”, acrescentou Hannun. “Isso pode prejudicar essa pré-disposição positiva.”

O embaixador egípcio em Brasília, Alaaeldin Wagih Mohamed Roushdy, disse que a viagem do ministro das Relações Exteriores, Aloysio Nunes, ao Cairo foi adiada devido a conflitos de cronograma, mas acrescentou que tomou nota das declarações do presidente eleito sobre a embaixada.

“A posição do Egito é clara em relação à questão de Jerusalém e da questão palestina em geral”, disse ele. “Acreditamos firmemente numa solução de dois Estados e no estabelecimento de um Estado palestino com Jerusalém Oriental como sua capital.”
(Exame) (Redação)
Imprimir esta notícia...
|
Deixe aqui sua opinião, insira seus comentários.
O espaço também é seu!

Quinta-Feira, 13/12
_produção de ovos de galinha é a maior da série histórica (11:04)
Abate de frangos em agosto foi o segundo maior do ano (11:03)
Já começa a faltar crédito rural a juros controlados (09:17)
IBGE confirma avanço em abates de bovinos e suínos, e queda no frango (09:08)
Plasson investe R$ 28 milhões em expansão da unidade fabril, em Criciúma (08:20)
ABRA protocola ofício com solicitação que impacta indústrias produtoras de farinhas de pena, peixe e sangue (08:14)
Indústria de ovos dos EUA: desafios e oportunidades (08:11)
Fundamentos teóricos e aplicação no processamento de ovos e derivados (08:08)
Quarta-Feira, 12/12
Pioneirismo e inovação marcam 10 anos da Yes (10:12)
Exportações de carne bovina deverão bater novos recordes no ano que vem (08:41)
Embrapa fecha acordo com Sindan para pré-análise de novos produtos veterinários (08:40)
Granja do Cedro é destaque de pecuária no prêmio “As melhores da Dinheiro Rural” (08:40)
Safra pode repetir recorde com 238,4 milhões de toneladas (07:57)
Encontro de Avicultores premia os melhores da Integração Aurora/Cocari (07:56)
Assembleia Legislativa de Goiás homenageia dirigentes da Pif Paf Alimentos (07:54)
BRDE assina contratos de R$ 100 milhões com cooperativas paranaenses durante encontro da Ocepar (07:53)
A crescente preocupação com ectoparasitas e os prejuízos econômicos causados por estes (07:50)
Milho: Bolsa de Chicago segue tendência do dia e fecha terça-feira com pouca movimentação (07:50)
Além do enriquecimento de ovos, selênio apresenta benefícios produtivos (07:48)
Aviagen Estreia “I Escola de Incubação” da América Latina (07:25)
Terça-Feira, 11/12
Cresce dependência do agronegócio brasileiro das importações chinesas (08:06)
Milho: cotação da Bolsa de Chicago encerra segunda-feira próxima da estabilidade (08:03)
Soja: Brasil fecha o dia com estabilidade com recuo de Chicago e dos prêmios (08:00)
Mercado do boi gordo apresenta cenários distintos (07:58)
Inaugurado laboratório de referência em Campinas (07:55)
Segunda-Feira, 10/12
Sexta-Feira, 07/12
Cresce mobilização de caminhoneiros por nova paralisação (16:15)
Conferência FACTA WPSA-Brasil 2019 já tem data e temas definidos (12:52)
Qualidade de água é tema de palestra da Vetanco (09:50)
Cobb-Vantress premia melhores lotes da região Nordeste (09:07)
NUCLEOVET apresenta planejamento 2019 em evento em SP (09:03)
FRANGO/CEPEA: exportações recuam, mas valores da carne sobem em novembro (08:14)
Início de dezembro apresenta maior firmeza nas cotações do boi gordo (08:04)
Milho: Bolsa de Chicago fecha quinta-feira com leves baixas (08:00)
A pedido da CNA, STF suspende multas pelo descumprimento da tabela do frete (07:37)
Paraná desburocratiza processo de licenciamento ambiental (07:30)
Depois do frango, Marrocos libera importação de carne bovina dos EUA (06:28)