Domingo, 20 de Outubro de 2019
Mercado Externo

Quem ganhará com a peste suína?
São Paulo, SP, 29 de Julho de 2019 - A ideia de que crises e oportunidades andam juntas é tão batida que já virou lenda e caiu no senso comum. E embora a dupla seja associada a um ideograma chinês, na crise da peste suína africana que abateu o gigante asiático há oportunidades de sobra apenas além das fronteiras.

Estudo do Itaú BBA denominado "Por trás do apocalipse" traça um panorama de quais empresas podem se beneficiar com os efeitos da peste suína africana, que se disseminou pela China em meio a um contexto macroeconômico complexo, marcado pela quebra da safra americana e pela guerra comercial entre Pequim e Washington.



Segundo Antônio Barreto, analista de agronegócio do Itaú BBA, a magnitude do "apocalipse" dependerá de quanto a China irá aumentar as importações de proteína animal. No cenário base traçado pelo banco, a mortalidade do plantel suíno do gigante asiático chegará a 25% em 2020. No melhor cenário para os frigoríficos, a 50%.

Neste ano, os chineses já ampliaram as compras. Em maio, as importações totais de carne suína pela China bateram recorde, somando 187 mil toneladas. A expectativa do Itaú BBA é que, no cenário base, as importações dos chineses tenham um incremento de 28% até 2020, para 240 mil toneladas mensais. Mas, se a situação piorar de vez para os chineses, o Brasil e outros fornecedores podem comemorar um aumento de até 87% nas compras do país, que ganham espaço para alcançar 350 mil toneladas mensais, segundo o banco.

No topo da preferência chinesa, a carne suína será a mais demandada em qualquer cenário, seguida pela carne de frango e a bovina. Assim, Barreto avalia que a BRF é a empresa brasileira que mais se beneficiará. "A empresa vinha de um ano muito ruim, mas é a que mais se beneficia porque tem um negócio verticalizado, com frangos e porcos próprios", disse ele. Tendo isso em vista, o Itaú BBA recomendou, pela primeira vez em quatro anos, a compra de ações da BRF.

Ainda assim, a JBS segue sendo a preferida do Itaú BBA no setor. "A JBS gerou caixa no ano passado e apresenta melhor relação entre risco e retorno, além de ter um portfólio mais diversificado nos Estados Unidos", afirmou.

Nos Estados Unidos, a empresa controla a Pilgrim's Pride, segunda maior produtora de carne de frango do país. Pelas projeções do Itaú BBA, no cenário em que a mortalidade do plantel suíno da China chegue a 25%, o fluxo de caixa livre da JBS deve ser robusto, ajudando a reduzir o endividamento da companhia em 50%, segundo as estimativas do banco.

No relatório, o Itaú também avaliou o impacto da peste suína - bem como da guerra comercial e da quebra de safra americana - para outras empresas do agronegócio listadas na bolsa. No caso da SLC Agrícola, uma das maiores produtoras de grãos e fibras do país, o panorama é menos promissor.

Segundo o analista do Itaú BBA, a empresa terá de lidar com os baixos preços da soja no curto prazo, que sofrem pressão dos estoques abundantes no mundo, e também com o cenário para o algodão, que não é menos "terrível". "Uma desaceleração na economia global pode provocar uma queda nos preços do petróleo e pressionar ainda mais o algodão, que concorre com as fibras sintéticas", acrescentou.

No médio prazo, no entanto, a SLC ainda pode tirar proveito da profissionalização da criação de porcos na China. Isso deve ocorrer quando o país superar o surto de peste suína. A doença, que se espalhou rapidamente por todas as províncias do país, foi facilitada, segundo analistas, pela produção de fundo de quintal. Em muitas regiões, o plantel é alimentado com restos de comida, o que contribuiu para a contaminação. No futuro, as granjas profissionais demandarão mais milho e soja para ração.

(Valor) (Marina Salles)
Imprimir esta notícia...
|
Deixe aqui sua opinião, insira seus comentários.
O espaço também é seu!

Domingo, 20/10
Sexta-Feira, 18/10
Evonik participa da Reunião Anual CBNA com palestras dirigidas (10:21)
Frango: maior procura eleva preços de cortes para churrasco (09:40)
Soja mantém leves altas nesta 6ª feira (08:47)
Tyson Foods proíbe o uso de ractopamina em ração para suínos (08:39)
Suíno Vivo: cotação em Minas Gerais tem alta de 2,94% (07:49)
Alta de preço para o boi e para a carne (07:48)
Boi: mercado futuro encerra mais uma sessão com valorizações no Brasil (07:45)
Milho sobe em Chicago nesta 5ª feira (07:43)
Soja fecha a 5ª feira com leves altas em Chicago (07:40)
Governo e setor produtivo discutem defesa sanitária na sede da ABPA (07:34)
Agricultura gaúcha propõe criação de quadros de fiscais e agentes fiscais agropecuários (06:40)
Cada vez mais, frango do Paraná chega à mesa dos chineses (06:38)
Deputado discute imposto de frigoríficos com Fazenda catarinense (06:36)
Agricultura aprova nova definição de agricultor familiar e empreendedor rural (06:35)
Quinta-Feira, 17/10
FACTA promove os cursos Internacional sobre incubação de ovos e Matrizes de Frango de Corte, em Recife (PE) (14:13)
10 Motivos para Participar do VI Workshop Sindiavipar (11:31)
AB Vista: OVUM em Lima foi o palco para o lançamento do Signis (11:27)
Instituto Ovos Brasil realiza ação em parceria com a Avipe e com o Clube Náutico Capibaribe (10:46)
Ação da ABPA & Apex-Brasil na ANUGA gera mais de US$ 110 milhões em exportações (10:04)
Secretaria de Agricultura comemora Dia do Ovo com degustação de variadas receitas e palestras no IZ (09:45)
Suínos: demanda segue firme e preço está em alta há seis semanas (09:43)
Boi: médias nominais do boi e da carne seguem em patamares recordes (09:42)
Certificadora halal brasileira é acreditada por países do Golfo (08:45)
Em 2019 PIB do agronegócio cresce 2%, estima consultoria (08:44)
Pecuária vai bem e gera mais renda pelo país neste ano (08:40)
Escândalo com salsicha contaminada na Europa (08:37)
Suíno Vivo: principais praças registram alta (08:31)
Valor da Produção Agropecuária de 2019 sobe para R$ 606,2 bilhões (08:15)
Balança comercial entre Brasil e países árabes (08:13)
Boi Gordo: mercado em alta na segunda quinzena de outubro (08:09)
Boi: vencimento outubro para 2020 atinge R$ 180,00/@ na Bolsa Brasileira (08:07)
Soja sobe em Chicago nesta 5ª feira (08:04)
Milho fecha quarta-feira com perdas em Chicago, pressionadas pelo avanço da colheita (08:00)
Quarta-Feira, 16/10
Secretaria de Agricultura e Abastecimento incentiva hábitos alimentares práticos e saudáveis (14:00)
Mês do Ovo: Padaria em Campinas recebe ação do Instituto Ovos Brasil na hora do almoço (13:28)
R$0,25 a mais no preço de lanche pode reduzir sofrimento de milhões de animais, diz ONG (12:38)
Luiz Felipe Caron palestra para equipe da Zanchetta Alimentos (11:48)
Produtores rurais poderão refinanciar dívidas com juros de 8% ao ano (11:48)
Sucesso resume a primeira edição do Workshop do Dia do Ovo (08:45)
Cargill nomeia Paulo Sousa para presidência da empresa no Brasil (08:39)
Soja marca novo dia de estabilidade nesta 4ª em Chicago (08:36)
Suíno Vivo: cotação tem alta em todas as praças do país (07:57)
Boi: Futuro encerra 3ª feira com ganhos (07:54)
PIB do agronegócio cresce 0,64% em 2019 (07:51)
Boi Gordo: escalas divergentes em São Paulo (07:50)
Preço da carne bovina sem osso sobe na semana (07:49)
Milho: terça-feira encerra mercado com quedas na Bolsa de Chicago (07:48)
Soja: preços sobem até 4% no interior do Brasil (07:46)
Mapa e OCB firmam acordo para promover intercâmbio e internacionalização de cooperativas (07:44)
Santa Catarina amplia as exportações de carne suína para a China (07:42)
Paraná suspende vacinação de bovinos e bubalinos contra a febre aftosa (07:20)
Languiru quer exportar pés de galinha para o mercado asiático (07:18)
Produtores de milho dos EUA perdem terreno para Brasil e Ucrânia (07:17)
China condiciona compras agrícolas à redução de tarifas dos EUA (07:15)
C.VALE é premiada por excelência de gestão (07:13)
Terça-Feira, 15/10
Sistema de autocontrole do Mapa tem indústria de proteína animal entre suas prioridades (13:32)
Sanphar adquire laboratório mineiro de vacinas Ipeve (10:07)
Membros da ABPA são homenageados no OVUM 2019 (10:05)
Soja opera estável nesta 3ª em Chicago (08:09)
Suíno Vivo: principais praças do país registram altas (07:21)
SP registra valorização do boi gordo (07:11)
Carne Bovina: dados do MDIC reforçam possibilidade de exportações recordes em outubro (07:10)
VBP da agropecuária fica estável em 2019 (07:09)
Milho começa nova semana estável em Chicago (07:07)
Soja fecha com leves altas em Chicago nesta 2ª e mercado espera definições (07:06)
Tamanho da demanda chinesa vai definir rumo dos preços da soja em Chicago (07:00)
BRF tem 44 vagas de trainee com salário de R$ 6.500; inscrição vai até 3/11 (06:17)