Sexta-feira, 13 de Dezembro de 2019
Diversos

Merenda Escolar ganha reforço nutricional no RS

PL 264 que trata da inclusão do ovo na merenda escolar será votado hoje na Assembleia Legislativa do RS.
Porto Alegre, RS, 03 de Setembro de 2019 - O referido projeto proposto pelo deputado Ernani Polo está na fila de votação desde 2013, e agora será votado.
A inclusão do ovo na merenda escolar vai de encontro com outro PL que foi votado no ano passado na Assembleia Legislativa que trata da restrição de alimentos industrializados nas cantinas das escolas estaduais.
No teor deste PL aprovado em 2018 consta que ficam proibidos alimentos que "colaborem para a obesidade, diabetes e hipertensão".




O ovo por ser um alimento comprovadamente rico em vitaminas e nutrientes e com propriedades funcionais que auxiliam na nutrição das pessoas entra no cardápio da merenda escolar para colaborar com a alimentação saudável dos estudantes.
O Rio Grande do Sul é o 5º estado maior produtor de ovos do Brasil, produz anualmente cerca de 3 bilhões de unidades de ovos e o consumo per capita no RS é de 253 ovos por habitante ano, acima da média nacional que está em 212 ovos por habitante ano.

Avicultura do Estado do Rio Grande do Sul congrega cerca de 40 granjas de produtores de ovos de médio e grande porte e aproximadamente 250 mini e pequenos produtores. A Asgav representa a avicultura do RS e coordena o Programa Ovos RS que trabalha constantemente a capacitação técnica e a qualidade dos estabelecimentos membros do Programa, além de desenvolver atividades de promoção e incentivo do consumo de ovos. A entidade vê como uma excelente e saudável iniciativa a inclusão do Ovo na Merenda Escolar.

“O Programa Ovos RS colabora com muitas instituições assistenciais, levando ovos para alimentação das crianças, inclusive com informações nutricionais, então, com este ato o parlamento contribui com a alimentação saudável dos estudantes e combate à desnutrição”, diz: Eduardo Santos - Diretor Executivo da Asgav e Coordenador do Programa Ovos RS.
O setor de produção de ovos do RS gera aproximadamente 5 mil empregos diretos e o RS exporta cerca de 3,9 mil/toneladas de ovos ano para diversos países.

“Protocolamos este projeto através de uma demanda que recebemos do setor, por meio da Asgav. O ovo é um dos alimentos mais completos que existem, por conter quase todos os nutrientes essenciais e necessários para a dieta humana, sendo um excelente aliado auxiliar na manutenção da boa memória. Também para o desenvolvimento dos jovens o ovo é um importante alimento” comenta o deputado Ernani Polo proponente do PL.

O ovo é um dos alimentos mais completos depois do leite materno e as aves poedeiras recebem alimentação a base de milho e farelo de soja e suplementação vitamínica.

Mexido, ovo cozido, frito, omeletes, estrelado e poché. Não há como negar que existem diversas formas de consumir esse alimento, mas seu maior benefício não está na versatilidade, e sim nos nutrientes. Afinal, não importa se o ovo é de codorna, caipira, ou orgânico, já que todos são ótimas fontes de proteínas, vitaminas e minerais. Inclusive, esse alimento é quase um polivitamínico natural, pois possui boas quantidades de vitaminas A,D, E e do complexo B. Isso significa que, de uma forma geral, é um bom antioxidante, evitando o envelhecimento precoce e o desenvolvimento de doenças crônicas, como câncer.

Em relação aos minerais, o ovo tem ferro, zinco, fósforo, potássio, manganês e selênio. Com isso, combate a anemia, dá energia para o corpo, ajuda na contração muscular, auxilia na absorção de cálcio e ainda fortalece o sistema imunológico. Por essas razões, não é de se espantar que ele esteja muito presente na dieta de atletas. Aliás, o ovo emagrece por ser low carb, o que significa que possui poucas calorias.

Por muito tempo a crença de que o ovo aumenta o colesterol foi grande, mas a verdade é que ele reduz os níveis de colesterol ruim (LDL) e eleva os do colesterol bom (HDL). Outro benefício é que ele não tem glúten e por isso pode fazer parte da dieta de celíacos. De uma forma geral, o alimento além de muito nutritivo é ideal tanto para crianças quanto para adolescentes, adultos e idosos.
(Asgav/Sipargs) (Assessoria de Imprensa)
Imprimir esta notícia...
|
Deixe aqui sua opinião, insira seus comentários.
O espaço também é seu!

Sexta-Feira, 13/12
Quinta-Feira, 12/12
Coopavel: 32 perguntas e respostas sobre o 32º Show Rural (17:07)
Produção de ovos bateu novo recorde no 3º trimestre de 2019, aponta IBGE (11:16)
IBGE: abate de frangos cresceu 3,0% em relação ao trimestre anterior (11:15)
Avicultura: Verão 2020 com alimentação nutritiva e saudável (11:11)
‘Nova’ CPR promete injetar bilhões no campo (10:05)
Quarta-Feira, 11/12
Termina nesta semana, dia 13/12, prazo para entrega de trabalhos científicos para o Congresso de Ovos da Apa (14:30)
Boi Gordo: mercado físico mostra resistência em trabalhar em valores menores (13:08)
Milho segue caindo em Chicago, mas perspectiva é de retomada nos próximos dias (12:42)
Soja corrige preços nesta 4ª feira na Bolsa de Chicago (12:30)
ABPA lança site da campanha #BrLivredePSA (11:00)
China impulsiona embarques recorde de frigoríficos (09:37)
STF encerra disputa sobre cesta básica (09:35)
Kemin anuncia investimentos em Transformação Digital (08:49)
Protegendo a qualidade da carne de frango (08:44)
Avicultura 4.0 – Um novo horizonte no processo avícola (08:39)
Exportações do agronegócio são recordes, mas faturamento externo cai (08:34)
Desafios do Brasil na defesa sanitária animal (08:32)
Frango: cotações estagnadas nesta terça-feira (08:20)
Suínos: mercado aquecido nesta terça-feira (08:10)
Reino Unido registra caso de gripe aviária pela 1ª vez desde 2017 (08:10)
Boi gordo caiu 6,7% em São Paulo em dezembro (08:09)
Para evitar o tombo, o mercado boi do busca equilíbrio (08:06)
Exportações de carne bovina devem fechar 2019 com resultado recorde (08:05)
Milho encera 3ªfeira em campo misto na Bolsa de Chicago (08:04)
Soja fecha com leve alta nesta 3ª feira em Chicago (08:00)
Safra de grãos de 2020 será recorde e deverá chegar a 240,9 milhões de toneladas (07:50)
Terça-Feira, 10/12
Ovos RS: Ano VII apresenta balanço das atividades e prestação de contas 2019 (11:25)
Boi Gordo impulsiona IPPA/CEPEA em novembro (10:41)
Boi: Mercado físico esteve praticamente vazio de negócios em SP (09:55)
Safra 2020 deve bater recorde de 240,9 milhões de toneladas (09:54)
Milho: Chicago inicia a terça-feira com estabilidade após leve avanço na colheita (09:32)
Frango: mercado misto, mas com expectativa de atividade até o fim da quinzena (08:22)
Suínos: segunda-feira registra mercado aquecido, principalmente SP (08:19)
Soja: mercado fecha com boas altas em Chicago nesta 2ª e favorece preços nos portos do BR (07:57)
Soja em Chicago segue em alta com notícias de compras chinesas nos EUA e recuo do dólar (07:56)
Exportação de milho do Brasil já supera 40 mi t no acumulado do ano (07:55)
Cotações do milho fecham a sessão desta 2ª feira com leves baixas em Chicago (07:50)
Contratações de crédito rural da Safra 2019/2020 somam R$ 93,5 bilhões (07:45)
Segunda-Feira, 09/12
Ovos: média parcial de dezembro supera a do período da Quaresma (11:20)
Milho: preços seguem em alta, mas intensidade varia dentre regiões (11:19)
Soja: melhora do clima beneficia lavouras e preços recuam (11:18)
Preço do frango no atacado subiu 25,3% frente a 2018 (09:58)
Milho: Contratos futuros iniciam a semana operando em campo misto na Bolsa de Chicago (09:50)
Dália inaugura complexo avícola na próxima sexta-feira (09:49)
Agroindústrias catarinenses retomam investimentos que devem chegar a R$ 2 bilhões até 2020 (08:58)
Em Minas, Governador participa de anúncio de R$ 50 mi em investimentos na avicultura de postura (08:56)
JBS segregará ativos de bovinos do Brasil em reestruturação (08:54)
Importação de soja da China salta em novembro (08:40)
China anuncia plano para restaurar produção de suínos em 2021 (08:24)
Frango: sexta-feira foi marcada por mercado misto (07:55)
Arroba do boi em SP fecha em alta após quatro quedas (07:53)
Exportação de carne suína catarinense bate recorde histórico (07:51)
Suínos: mercado estável, com perspectiva de aquecimento com as festas de fim de ano (07:50)
Mapa identifica recuo no preço da carne bovina na primeira semana de dezembro (07:47)
Boi: preços não sobem indefinidamente (07:45)
Milho acumula queda de 1,35% na última semana em Chicago (07:25)
Soja em Chicago sobe mais de 1% na semana (07:23)