Quinta-feira, 23 de Maio de 2019
Mercado

Ovos: início da Quaresma tem estabilidade momentânea igual ao ano passado
Campinas, 12 de Março de 2019 - a Quaresma, tradicionalmente, o melhor período do ano para comercialização de ovos tem deixado a desejar: o ambiente de negócios no início da Quaresma pouco se alterou. Mesmo contando com o recebimento de salários da grande massa trabalhadora.

De toda forma, a estabilidade momentânea não é muito diferente do verificado no ano passado quando manteve nos primeiros doze dias o valor de abertura. A diferença está na base inicial, superior a atual.

Tomando por base um período maior - valores praticados no triênio 2016/2018 - se verifica que eles passaram a assumir maiores preços após os primeiros dez dias de abertura da Quaresma. Então, a estabilidade atual não tem nada de anormal. De toda forma, o valor atual se encontra cerca de 9% abaixo do preço médio praticado naquele período.

(AviSite) (Redação)
Imprimir esta notícia...Enviar esta notícia...
|
Deixe aqui sua opinião insira seus comentários.
O espaço também é seu!

Quinta-Feira, 23/05
Ovos: evolução diária piora sensivelmente nos últimos dias (07:23)
Quarta-Feira, 22/05
EUA: surto de salmonela multiestados foi desencadeado por aves vivas não-comerciais (07:15)
Ovos: preços tiveram leve baixa (07:14)
Terça-Feira, 21/05
Simpósio Ovosite debate estratégias com os olhos voltados para o mercado externo (10:06)
Ovos na Granja x Varejo: em abril houve melhora na relação favorecendo o produtor (07:07)
Ovos: reposição normal e preços estáveis na abertura da semana (07:05)
Segunda-Feira, 20/05
Ovos: em mercado especulado, preços caíram no encerramento da semana (06:15)
Sexta-Feira, 17/05
Ovos: demanda mais contida aumenta fragilidade do mercado (16:35)



Últimos Clippings
Tereza Cristina: “Vamos democratizar mais o crédito agrícola”
Abertura do CPAgro Copacol tem a participação de 1,7 mil pessoas
Diretor-Geral da FAO: voto do Brasil vai para vice-ministro da agricultura chinês
SRB debate futuro dos contratos agrários com Ministro do STJ
Em São Paulo, preços agropecuários caíram 0,43% na primeira semana de maio

Nossos Parceiros
MSDMaxFilm
seifunAgroceres
Orffa