Revista do AviSite
Revista do Ovo
Notícias
Informativo Semanal
AviGuia
AviSite
Trabalhos Técnicos
Legislação
Busca Avançada
Cadastre-se
Contato
Anuncie
Patrocinadores
Terça-feira, 01/12/2020
Siga-nos:
Trabalhos Técnicos
CIÊNCIA & TECNOLOGIA - Trabalhos Técnicos

Produção

Avaliação de programa de muda induzida através de parâmetros comportamentais e fisiológicos

Autores: Helenice Mazzuco1, Valdir Silveira de Avila1, Arlei Coldebella1, Jonas Irineo Santos Filho1, Victor Fernando Buttow Row2 Filiações: 1Pesquisadores Embrapa Suínos e Aves; 2Professor Adjunto-Universidade Federal de Pelotas-UFPel Breve introdução e objetivos do estudo: Em função do grande interesse por parte de mercados globalizados em áreas como bem-estar e práticas de manejo adotadas na produção de ovos comerciais, a avaliação de protocolos alternativos ao procedimento convencional para indução de muda em poedeiras comerciais tem sido alvo de muitas pesquisas e discussões nos últimos anos. Os métodos de muda comercialmente adotados consideram a restrição ou jejum alimentar por determinado período, o que tem gerado controvérsias com relação ao bem-estar das aves. Práticas de muda induzida consideradas menos agressivas sob o ponto de vista do bem-estar animal devem ser exploradas objetivando-se uma regressão ovariana adequada para o descanso do aparelho reprodutor e posterior retorno à postura no segundo ciclo acompanhando-se alguns índices fisiológicos que caracterizem o impacto dessas novas estratégias nutricionais na indução de muda em poedeiras comerciais. Respostas fisiológicas ao estresse causado por jejum alimentar como o que ocorre durante a muda podem ser obtidas através do monitoramento de parâmetros ósseos, sanguíneos e comportamentais durante as fases que antecedem o processo da muda, durante e após a mesma e assim caracterizar o melhor protocolo de muda quanto ao bem-estar das aves. Numa antecipação às necessidades de mercado objetivou-se com o projeto, a seleção de um método de indução de muda que atendesse aos parâmetros indicativos de bem-estar animal e fosse plenamente exequível ao produtor. A capacitação da equipe e a estrutura física e de apoio para desenvolver e conduzir estudos longitudinais com poedeiras comerciais reafirma como estratégica, a participação da Embrapa Suínos e Aves em decisões técnicas que impactam diretamente o setor produtivo no Brasil. Para ver o trabalho clique aqui.


Produção


















CATEGORIAS

Administração, Economia, Planejamento e Política Avícola (7)

Alternativa (1)

Ambiência (8)

Equipamentos (3)

Estrutiocultura (2)

Manejo / Incubação (22)

Nutrição (28)

Outras Áreas (16)

Perspectivas para 2012 (1)

Ponto Final (1)

Produção (6)

Sanidade (47)

Saúde (1)

REVISTA ONLINE

Clique acima para acessar o leitor digital ou abaixo para Download do PDF