Revista do AviSite
Revista do Ovo
Notícias
Clippings
Informativo Semanal
AviGuia
AviSite
Trabalhos Técnicos
Legislação
Busca Avançada
Cadastre-se
Contato
Anuncie
Patrocinadores
Quarta-feira, 23/09/2020
Siga-nos:
Trabalhos Técnicos
CIÊNCIA & TECNOLOGIA - Trabalhos Técnicos

Manejo / Incubação

Novas alternativas para promover o descanso produtivo de poedeiras comerciais

Autores: Edivaldo Antonio Garcia1, Andréa de Britto Molino2, Kleber Pelícia3, Javer Alves Filho2, Andressa Takahara Montenegro4, Elise Saori Murakami4, Daniella Aparecida Berto2, Graciene Conceição dos Santos2 1 Professor Titular do Departamento de Produção Animal da FMVZ - Unesp/Botucatu. egarcia@fmvz.unesp.br 2 Alunos do curso de Pós Graduação em Zootecnia da FMVZ-Unesp/Botucatu. molinoab@fmvz.unesp.br 3 Docente do Departamento de Zootecnia da UNIFENAS, Alfenas- MG 4 Alunas de Graduação em Zootecnia da FMVZ-Unesp/Botucatu - Bolsistas de Iniciação Científica FAPESP * Projeto financiado pela Fundação de Apoio à Pesquisa do Estado de São Paulo - FAPESP Introdução Frente a crescente preocupação mundial com o bem estar animal, há necessidade da realização de novas pesquisas. Frente a crescente preocupação mundial com o bem estar animal, há necessidade da realização de novas pesquisas com o intuito de encontrar métodos menos severos de promover o descanso produtivo em poedeiras comerciais, já que o método convencional de privação de alimento e eventualmente privação de alimento e água, tem sido considerado “traumático” pelos países europeus por provocar sofrimento às aves. Desta forma, a utilização de métodos alternativos ao jejum prolongado para a indução do descanso produtivo, foi também motivo de estudo de Scherer et al. (2009), que avaliaram a restrição de cálcio e fósforo; cálcio, fósforo e sódio; cálcio, fósforo, sódio e aminoácidos, comparativamente à utilização de milho moído por 28 dias e ao jejum de 14 dias. Os autores concluíram que as aves submetidas ao jejum apresentaram menor peso corporal aos 14 e 28 dias e maior regressão do ovário que os demais métodos de muda empregados, sendo o único método que levou à cessação temporária da produção de ovos. A restrição de cálcio e fósforo não interferiu nos níveis desses minerais no metatarso. O método de muda não influenciou a percentagem de postura, percentagem de ovos quebrados e mortalidade ao longo dos 28 dias do período experimental. Souza et al. (2010) diluíram a ração de poedeiras comerciais em casca de arroz como método alternativo em comparação à técnica convencional de descanso produtivo (jejum), utilizando três níveis de restrição alimentar qualitativa (100, 75 e 50 %) e três percentuais de redução de peso corporal (15, 20 e 25 %), e concluíram que as restrições alimentares em 75 e 50 % promovem perda de peso gradativa, mantendo os níveis de produção próximos ao método de jejum convencional. O objetivo do presente trabalho foi comparar o método convencional de indução ao descanso produtivo (jejum alimentar) aos melhores resultados obtidos com trabalhos anteriores na utilização de métodos alternativos quanto aos resultados de produção de ovos e propor novos métodos. Para ver o trabalho clique aqui.


Manejo / Incubação


































































CATEGORIAS

Administração, Economia, Planejamento e Política Avícola (7)

Alternativa (1)

Ambiência (8)

Equipamentos (3)

Estrutiocultura (2)

Manejo / Incubação (22)

Nutrição (28)

Outras Áreas (16)

Perspectivas para 2012 (1)

Ponto Final (1)

Produção (6)

Sanidade (47)

Saúde (1)

REVISTA ONLINE

Clique acima para acessar o leitor digital ou abaixo para Download do PDF