Milho: RS deve precisar importar 4 milhões de toneladas este ano

Entre 2020 e 2021, o Rio Grande do Sul importou cerca de 2 milhões de toneladas de milho e, neste ano, as compras externas devem se ampliar para, pelo menos, 4 milhões de toneladas. Esses números foram apresentados na segunda-feira (13) pelo diretor executivo do Sindicato das Indústrias de Produtos Suínos (Sips), Rogério Kerber, durante reunião da Câmara Setorial do Milho da Secretaria de Agricultura, Pecuária e Desenvolvimento Rural do Estado.

Segundo Kerber, de fato, este ano o momento é “mais desafiador”, pois o Estado terá produção bem menor de milho do que nos dois anos anteriores. “Já se projeta uma necessidade de aquisição de milho em outros Estados e mesmo em outros países, de cerca de 4 milhões de toneladas do grão”, confirmou, em nota divulgada pela secretaria.

Ainda conforme Keber, o fluxo de entrada de milho importado do Paraguai e da Argentina está intenso, mas enfrenta dificuldade por causa de uma operação padrão realizada por servidores da Receita Federal e do Ministério da Agricultura. “O ministério não tem técnicos suficientes para atender à demanda (de fiscalização da importação)”, disse ele, referindo-se ao fluxo de veículos que entram via terrestre por São Borja e Porto Xavier. “Estão sendo feitas tratativas para a abertura do porto em Porto Mauá, mas também, infelizmente, não há técnicos do ministério para viabilizar o trânsito portuário”, continuou. “São desafios enormes que o setor enfrenta.”

Share on facebook
Share on twitter
Share on linkedin
Share on telegram
Share on whatsapp
Share on email

Notícias Relacionadas

Revista OvoSite

NOSSOS PARCEIROS

Notícias Relacionadas

Últimas Notícias

Últimas Notícias

Busca por palavra chave ou data

Selecione a Data

Busca por palavra chave ou data

Selecione a Data

CONFIRA OS DESTAQUES DA NOSSA ULTIMA EDIÇÃO

massaio

Entrevista: Dra. Masaio Mizuno Ishizuka

“É preciso repensar as medidas de biosseguridade para atender aos desafios contemporâneos”. Página 18.

agrosys

Sistema de Gestão e Mobilidade à frente da Agroindústria 4.0

A transformação digital através de Sistemas de Gestão tem sido essencial para alavancar todos os negócios relacionados à agroindústria. Página 14.

genetica

Genética e Ovos

A qualidade e as tecnologias empregadas permitiram à avicultura de postura brasileira atingir patamares sem precedentes. Página 33.

OvoSite_AviSite_SuiSite_PecSite_ovo (91)

Casca de ovo é base para fertilizante ecológico mais eficiente que convencionais

Processo de moagem mecanoquímica desenvolvido na UFPR cria produto com liberação controlada de nutrientes evitando desperdícios na lavoura e problemas ambientais relacionados a fertilizantes usados atualmente. Página 36.

frango

Fibras: uma alternativa na modulação intestinal das aves

A saúde intestinal depende da atuação conjunta de funções fisiológicas, microbiológicas e físicas para a manutenção do correto equilíbrio do intestino e é considerada um dos fatores de grande impacto na indústria avícola. Página 44.

revista

Tendências para o desenvolvimento de novos revestimentos para ovos

Atualmente, alternativas estão sendo testadas para prolongar a vida útil dos ovos e reduzir o desperdício de alimentos. Página 48.

abpa

Simpósio OvoSite aborda inovações na produção de ovos

O Simpósio OvoSite irá levantar as tendências para a comercialização no mercado interno e nas exportações para o setor. Página 52.

ovo

Ovo: um alimento completo

A proteína é uma das mais versáteis para consumo, porém, é preciso atenção e cuidados especiais para a prevenção da Salmella. Página 57.

Open chat
Fale agora no WhatsApp