Quando o quesito é o consumo per capita de ovos, Brasil cai para a 17ª posição

Trabalho conjunto desenvolvido pela OCDE/FAO apontando as perspectivas da produção e consumo de ovos em 2031 indica que embora o Brasil se encontre entre os 10 maiores produtores mundiais, no consumo per capita ocupa a 17ª posição (ou 16ª, se considerado que o colocado anterior, a União Europeia, é um conglomerado de países).

Notar, de toda forma, que essa posição tem como base os maiores produtores mundiais de ovos. Ou seja: podem existir pequenos produtores com consumo per capita superior ao do Brasil.

Naturalmente, nada parecido com o México e a China, países em que o consumo per capita de ovos se aproxima das 400 unidades anuais. Mas com 13,3 kg/ano (o equivalente a pouco mais de 220 unidades, se considerado um peso médio de 60 gramas), o consumo brasileiro se encontra aquém do registrado em países vizinhos como Paraguai e Argentina. O que indica que ainda há muito espaço para avançar.

Porém, pior relação entre produção e consumo que a do Brasil é observada na Índia. Terceiro maior produtor mundial, o consumo per capita de ovos na Índia corresponde a, aproximadamente, 61,7 unidades anuais, pouco mais de um quarto do consumo brasileiro. De toda forma, OCDE e FAO preveem que até 2031 o consumo indiano aumente quase 50%, enquanto para o Brasil é prevista expansão inferior a 4%.

No estudo desenvolvido pela OCDE/FAO chama a atenção o fato de o México estar em vias de perder sua posição de maior consumidor per capita de ovos do mundo. Ainda que por pequena diferença, o posto tende a ser ocupado pela China.

Na mesma direção caminham nossos vizinhos paraguaios, cujo consumo per capita em 2031 pode vir a superar o dos EUA.

Share on facebook
Share on twitter
Share on linkedin
Share on telegram
Share on whatsapp
Share on email

Notícias Relacionadas

Revista OvoSite

NOSSOS PARCEIROS

Notícias Relacionadas

Últimas Notícias

Últimas Notícias

Busca por palavra chave ou data

Selecione a Data

Busca por palavra chave ou data

Selecione a Data

CONFIRA OS DESTAQUES DA NOSSA ULTIMA EDIÇÃO

massaio

Entrevista: Dra. Masaio Mizuno Ishizuka

“É preciso repensar as medidas de biosseguridade para atender aos desafios contemporâneos”. Página 18.

agrosys

Sistema de Gestão e Mobilidade à frente da Agroindústria 4.0

A transformação digital através de Sistemas de Gestão tem sido essencial para alavancar todos os negócios relacionados à agroindústria. Página 14.

genetica

Genética e Ovos

A qualidade e as tecnologias empregadas permitiram à avicultura de postura brasileira atingir patamares sem precedentes. Página 33.

OvoSite_AviSite_SuiSite_PecSite_ovo (91)

Casca de ovo é base para fertilizante ecológico mais eficiente que convencionais

Processo de moagem mecanoquímica desenvolvido na UFPR cria produto com liberação controlada de nutrientes evitando desperdícios na lavoura e problemas ambientais relacionados a fertilizantes usados atualmente. Página 36.

frango

Fibras: uma alternativa na modulação intestinal das aves

A saúde intestinal depende da atuação conjunta de funções fisiológicas, microbiológicas e físicas para a manutenção do correto equilíbrio do intestino e é considerada um dos fatores de grande impacto na indústria avícola. Página 44.

revista

Tendências para o desenvolvimento de novos revestimentos para ovos

Atualmente, alternativas estão sendo testadas para prolongar a vida útil dos ovos e reduzir o desperdício de alimentos. Página 48.

abpa

Simpósio OvoSite aborda inovações na produção de ovos

O Simpósio OvoSite irá levantar as tendências para a comercialização no mercado interno e nas exportações para o setor. Página 52.

ovo

Ovo: um alimento completo

A proteína é uma das mais versáteis para consumo, porém, é preciso atenção e cuidados especiais para a prevenção da Salmella. Página 57.

Open chat
Fale agora no WhatsApp