XP sobe projeções para IPCA em 2022 e 2023 com impacto da guerra, vê dólar a R$5,00 ao fim deste ano

A XP elevou suas estimativas de inflação para este ano e o próximo, embora tenha melhorado seu prognóstico para a taxa de câmbio ao fim de 2022, com o impacto da guera na Ucrânia devendo pesar no bolso do consumidor.

Agora, a instituição financeira espera que o IPCA suba 7,0% em 2022 e 4,0% em 2023, contra taxas de 6,2% e 3,8%, respectivamente, previstas em cenário anterior.

“A mudança é resultado da incorporação tanto de resultados correntes mais fortes do que projetávamos, como também de um balanço de riscos pior para frente”, afirmou a XP em relatório assinado por economistas, estrategistas e analistas, entre eles Caio Megale, economista-chefe.

A XP citou “impactos mais persistentes da guerra” na Ucrânia e afirmou que os preços de alimentação e combustíveis estão turbinando a inflação corrente.

“Por outro lado, a taxa de câmbio mais apreciada ajudará a conter a inflação no ano”, ponderou a XP, que revisou sua projeção para o patamar do dólar ao fim de 2022 a 5,00 reais, contra 5,20 previstos anteriormente. Para o encerramento de 2023, foi mantida estimativa de que a moeda norte-americana ficará em 5,30 reais.

Por trás da recente desvalorização do dólar –que acumula baixa de 16% no ano frente ao real, cujo desempenho no período é o melhor do mundo–, a XP apontou a elevação nos preços das commodities, a baixa vulnerabilidade da América Latina ao conflito na Ucrânia e o fato de o Banco Central ter começado a subir os juros mais cedo e em ritmo mais acelerado do que seus pares, tornando a renda fixa local mais atrativa.

O dólar era negociado em torno de 4,66 reais nesta manhã.

“Mas há riscos adiante que tendem a reverter parcialmente o movimento” de depreciação da moeda norte-americana, alertou a instituição financeira. “Se a guerra na Ucrânia caminhar para uma solução, não esperamos altas adicionais nos preços de commodities. Da mesma forma, a reabertura das economias do leste europeu tende a gerar saídas de recursos hoje alocados na América Latina.”

Além disso, o relatório citou a normalização das políticas monetárias de países desenvolvidos e outras nações emergentes, bem como incertezas eleitorais domésticas, como possíveis fatores de suporte para o dólar ante o real.

Para a taxa Selic, atualmente em 11,75%, a XP manteve projeção de que os juros chegarão a 12,75% ao fim do ciclo de aperto monetário do BC.

Também permaneceram inalterados os prognósticos de crescimento econômico para este ano e o próximo. “Mantemos a projeção de taxa de variação nula para o PIB de 2022, mas atribuímos viés de alta. Para o PIB de 2023, continuamos a prever crescimento de 1,2%, considerando a dissipação dos choques da pandemia e da guerra no leste europeu”, disse a XP.

Share on facebook
Share on twitter
Share on linkedin
Share on telegram
Share on whatsapp
Share on email

Notícias Relacionadas

Revista OvoSite

NOSSOS PARCEIROS

Notícias Relacionadas

Últimas Notícias

Últimas Notícias

Busca por palavra chave ou data

Selecione a Data

Busca por palavra chave ou data

Selecione a Data

CONFIRA OS DESTAQUES DA NOSSA ULTIMA EDIÇÃO

massaio

Entrevista: Dra. Masaio Mizuno Ishizuka

“É preciso repensar as medidas de biosseguridade para atender aos desafios contemporâneos”. Página 18.

agrosys

Sistema de Gestão e Mobilidade à frente da Agroindústria 4.0

A transformação digital através de Sistemas de Gestão tem sido essencial para alavancar todos os negócios relacionados à agroindústria. Página 14.

genetica

Genética e Ovos

A qualidade e as tecnologias empregadas permitiram à avicultura de postura brasileira atingir patamares sem precedentes. Página 33.

OvoSite_AviSite_SuiSite_PecSite_ovo (91)

Casca de ovo é base para fertilizante ecológico mais eficiente que convencionais

Processo de moagem mecanoquímica desenvolvido na UFPR cria produto com liberação controlada de nutrientes evitando desperdícios na lavoura e problemas ambientais relacionados a fertilizantes usados atualmente. Página 36.

frango

Fibras: uma alternativa na modulação intestinal das aves

A saúde intestinal depende da atuação conjunta de funções fisiológicas, microbiológicas e físicas para a manutenção do correto equilíbrio do intestino e é considerada um dos fatores de grande impacto na indústria avícola. Página 44.

revista

Tendências para o desenvolvimento de novos revestimentos para ovos

Atualmente, alternativas estão sendo testadas para prolongar a vida útil dos ovos e reduzir o desperdício de alimentos. Página 48.

abpa

Simpósio OvoSite aborda inovações na produção de ovos

O Simpósio OvoSite irá levantar as tendências para a comercialização no mercado interno e nas exportações para o setor. Página 52.

ovo

Ovo: um alimento completo

A proteína é uma das mais versáteis para consumo, porém, é preciso atenção e cuidados especiais para a prevenção da Salmella. Página 57.

Open chat
Fale agora no WhatsApp