Mercado do milho reage no meio de semana

O Paraná tem mais negócios no Oeste

No estado do Rio Grande do Sul o mercado de milho reagiu e os temporais no PR fizeram compradores voltar ao mercado, de acordo com a TF Agroeconômica. “Finalmente o mercado de milho reagiu. Temporais registrados no noroeste do Paraná retiraram eventuais ofertas de milho safrinha que poderia entrar em maio e forçaram as indústrias a vir ao mercado. O mercado que elas encontraram estava vazio de ofertas, obrigando-as a corrigir os preços para R$ 93,00 CIF Santo Ângelo, R$ 90,00 Chapecó, R$ 96,00 Marau e R$ 98,00 CIF Arroio do Meio. O vendedor posiciona ofertas que partem de R$ 95,00 interior”, comenta.

Em Santa Catarina aumenta a movimentação dos compradores no estado e saíram negócios. “Hoje percebeu-se que os compradores começaram a consultar mais e foram registrados negócios a R$ 90,00 CIF e R$ 89,0 FOB no norte do estado. Com isto, a diferença entre as pedidas dos vendedores e as indicações dos compradores começaram a diminuir, se aproximando mais.  O milho paraguaio seria bem competitivo não fossem os problemas logísticos. Nota-se, também, interesse dos compradores em adquirir milho de safra nova, mas sem indicações precisas”, completa.

O Paraná tem mais negócios no Oeste, enquanto o granizo no Oeste assusta compradores de todo o Sul do País. “Nesta quarta-feira foram de mais 3.000 toneladas, metade em Cascavel, metade em Toledo, a R$ 90,00 CIF, pagamento 30 dias. Também houve ofertas de milho paraguaio a US$ 275 CPT. No mais, Vendedores subindo as pedidas para R$ 90,00 FOB e comprador a R$ 90,00 CIF, sem acordos conhecidos. Ocorrência de fortes temporais e até granizos no Oeste do PR começa a preocupar os compradores de milho safrinha”, conclui.

Share on facebook
Share on twitter
Share on linkedin
Share on telegram
Share on whatsapp
Share on email

Notícias Relacionadas

Revista OvoSite

NOSSOS PARCEIROS

Notícias Relacionadas

Últimas Notícias

Últimas Notícias

Busca por palavra chave ou data

Selecione a Data

Busca por palavra chave ou data

Selecione a Data

CONFIRA OS DESTAQUES DA NOSSA ULTIMA EDIÇÃO

massaio

Entrevista: Dra. Masaio Mizuno Ishizuka

“É preciso repensar as medidas de biosseguridade para atender aos desafios contemporâneos”. Página 18.

agrosys

Sistema de Gestão e Mobilidade à frente da Agroindústria 4.0

A transformação digital através de Sistemas de Gestão tem sido essencial para alavancar todos os negócios relacionados à agroindústria. Página 14.

genetica

Genética e Ovos

A qualidade e as tecnologias empregadas permitiram à avicultura de postura brasileira atingir patamares sem precedentes. Página 33.

OvoSite_AviSite_SuiSite_PecSite_ovo (91)

Casca de ovo é base para fertilizante ecológico mais eficiente que convencionais

Processo de moagem mecanoquímica desenvolvido na UFPR cria produto com liberação controlada de nutrientes evitando desperdícios na lavoura e problemas ambientais relacionados a fertilizantes usados atualmente. Página 36.

frango

Fibras: uma alternativa na modulação intestinal das aves

A saúde intestinal depende da atuação conjunta de funções fisiológicas, microbiológicas e físicas para a manutenção do correto equilíbrio do intestino e é considerada um dos fatores de grande impacto na indústria avícola. Página 44.

revista

Tendências para o desenvolvimento de novos revestimentos para ovos

Atualmente, alternativas estão sendo testadas para prolongar a vida útil dos ovos e reduzir o desperdício de alimentos. Página 48.

abpa

Simpósio OvoSite aborda inovações na produção de ovos

O Simpósio OvoSite irá levantar as tendências para a comercialização no mercado interno e nas exportações para o setor. Página 52.

ovo

Ovo: um alimento completo

A proteína é uma das mais versáteis para consumo, porém, é preciso atenção e cuidados especiais para a prevenção da Salmella. Página 57.

Open chat
Fale agora no WhatsApp