Revista do OvoSite propõe novo mercado para o ovo: A CESTA BÁSICA

A injustificada ausência do ovo na cesta básica distribuída aos brasileiros

Mensalmente, milhões de cestas básicas são distribuídas em todo o Brasil por órgãos públicos (governos federal, estaduais e municipal) e por instituições privadas, inclusive religiosas, em suas ações pastorais. Já enorme, a quantidade de cestas básicas aumentou – provavelmente dobrou e continua aumentando – com a pandemia, cujos desdobramentos econômicos elevou o número de brasileiros inseridos na linha de pobreza.

Nessas cestas, alguns dos alimentos essenciais à sobrevivência do homem. Mas nenhuma unidade sequer do mais completo de todos os alimentos depois do leite materno: O OVO. E por quê? Porque é perecível mas, sobretudo, porque é frágil.

Mas isso é uma falácia! Se a cesta básica já tem o leite em pó, porque  não introduzir nela, também, o ovo em pó, que já existe? Seria criar, para a avicultura de postura, um novo e inexplorado mercado pois, salvo algumas poucas exceções, quem depende de uma cesta básica com certeza não tem condições financeiras nem mesmo para adquirir ovos in natura.

Mas, afinal, o que pensa a avicultura de postura a esse respeito?  O assunto é longo, não se esgotará em apenas uma reportagem ou, mesmo, em um curto espaço de tempo. De toda forma, é preciso abrir o debate. Daí ouvirmos, inicialmente, alguns dos líderes do setor mais envolvidos com a problemática da atividade – Ricardo Santin, Presidente da Associação Brasileira de Proteína Animal (ABPA); José Eduardo dos Santos, Presidente Executivo da Associação Gaúcha de Avicultura (ASGAV) e organizador da, também anual, Conferência Brasil Sul da Indústria e Produção de Ovos (CONBRASUL); e Nélio Hand, Diretor Executivo da Associação dos Avicultores do Estado do Espírito Santo (AVES) e um dos responsáveis pela Feira de Avicultura e Suinocultura Capixaba (FAVESU), evento anual com particular enfoque nas atividades locais de postura.

Para ler a reportagem completa acesse a Revista do OvoSite na página 24, clicando abaixo.

Share on facebook
Share on twitter
Share on linkedin
Share on telegram
Share on whatsapp
Share on email

Notícias Relacionadas

Revista OvoSite

NOSSOS PARCEIROS

Notícias Relacionadas

Últimas Notícias

Últimas Notícias

Busca por palavra chave ou data

Selecione a Data

Busca por palavra chave ou data

Selecione a Data

CONFIRA OS DESTAQUES DA NOSSA ULTIMA EDIÇÃO

massaio

Entrevista: Dra. Masaio Mizuno Ishizuka

“É preciso repensar as medidas de biosseguridade para atender aos desafios contemporâneos”. Página 18.

agrosys

Sistema de Gestão e Mobilidade à frente da Agroindústria 4.0

A transformação digital através de Sistemas de Gestão tem sido essencial para alavancar todos os negócios relacionados à agroindústria. Página 14.

genetica

Genética e Ovos

A qualidade e as tecnologias empregadas permitiram à avicultura de postura brasileira atingir patamares sem precedentes. Página 33.

OvoSite_AviSite_SuiSite_PecSite_ovo (91)

Casca de ovo é base para fertilizante ecológico mais eficiente que convencionais

Processo de moagem mecanoquímica desenvolvido na UFPR cria produto com liberação controlada de nutrientes evitando desperdícios na lavoura e problemas ambientais relacionados a fertilizantes usados atualmente. Página 36.

frango

Fibras: uma alternativa na modulação intestinal das aves

A saúde intestinal depende da atuação conjunta de funções fisiológicas, microbiológicas e físicas para a manutenção do correto equilíbrio do intestino e é considerada um dos fatores de grande impacto na indústria avícola. Página 44.

revista

Tendências para o desenvolvimento de novos revestimentos para ovos

Atualmente, alternativas estão sendo testadas para prolongar a vida útil dos ovos e reduzir o desperdício de alimentos. Página 48.

abpa

Simpósio OvoSite aborda inovações na produção de ovos

O Simpósio OvoSite irá levantar as tendências para a comercialização no mercado interno e nas exportações para o setor. Página 52.

ovo

Ovo: um alimento completo

A proteína é uma das mais versáteis para consumo, porém, é preciso atenção e cuidados especiais para a prevenção da Salmella. Página 57.

Open chat
Fale agora no WhatsApp